Hospital e sindicatos discutem cobrança de caução para atendimentos

O Fórum Sindical de Trabalhadores de Brusque e região se reuniu na manhã desta quinta-feira (31) com a direção do Hospital Evangélico, de Brusque. O encontro aconteceu na sede da unidade hospitalar e contou com a presença dos sindicalistas e da administradora do hospital, Ilse Barbosa. O motivo: cobrança de caução para atendimentos naquela casa.

 

A reunião foi motivada por reclamações de associados ás doze entidades que integram o Fórum. Casos em que a trabalhadores e seus familiares chegaram ao estabelecimento e foram informados que somente teriam atendimento caso deixassem um valor previamente depositado.

“Tínhamos recebido diversas reclamações nos sindicatos sobre essa situação, em que os trabalhadores precisavam deixar um cheque-caução para receber atendimento. Todos os sindicatos do Fórum possuem contratos de convenio com eles. E nesses contratos não constavam nada de haver necessidade de caução”, explica o coordenador do Fórum, Izaias Otaviano.

 

Por conta disso que o órgão buscou a reunião com a direção o hospital. Segundo a administradora do Evangélico, Ilse Barbosa, o grande número de casos de pessoas que buscavam o atendimento e depois não pagavam pelos serviços levou a unidade a buscar uma forma de frear tal situação. Em um ano, afirma, o hospital teve cerca de R$ 600 mil em prejuízo com serviços que não foram pagos.

 

“Pudemos discutir o problema e dos próprios sindicatos surgiu a solução. Tivemos durante um ano um valor significativo de perda. Fica difícil tocarmos uma instituição do porte do Evangélico com perdas e não recebendo pelos serviços prestados”, frisou Ilse.

 

As partes definiram que quando um associado das entidades for buscar atendimento na unidade não será cobrado para deixar um valor previamente pago e, somente, caos acha necessidade após o atendimento da consulta. Ainda na reunião ficou definido que hospital e sindicatos farão uma nova reunião em agosto para tratar da renovação de contratos dos convênios entre ambos.