Sindicatos economizam mais de R$ 90 mil na compra de materiais escolares

Além do material escolar, sindicatos vão realizar outras ações de compra de ítens em conjunto

Na primeira reunião ordinária realizada este ano, o Fórum de Entidades Sindicais de Trabalhadores de Brusque e região reforçou ação que deu início ainda em 2018: de unir as entidades cada vez mais em projetos. Além da criação de uma comissão de saúde, que vem avaliando e fechando convênios em bloco para atender aos associados de todos os sindicatos, agora a ideia é realizar compras de insumos em conjunto.

 Primeira experiência foi realizada no final de 2018 e o saldo foi amplamente positivo. Principalmente em termos de economia aos cofres das entidades. Os sindicatos fizeram a compra de material escolar e, por conta da união, conseguiram economizar em torno de R$ 90 mil. Cinco sindicatos que fazem a distribuição dos itens aos associados no início de cada ano participaram da compra coletiva.

“Uma pessoa entrou em contato com vários fornecedores. Foram feitas diversas cotações e o menor preço ganhou. Com isso, ela acabou direcionando quem iria ser o fornecedor para cada sindicato e, dessa forma, acabamos realizado a compra coletiva dos materiais escolares”, pontua o coordenador do Fórum, Jean Carlo Dalmolin.

A ideia da compra coletiva de material escolar surgiu durante uma das reuniões do órgão. Como vários sindicatos realizam a distribuição do material escolar no mês de janeiro, o grupo chegou à conclusão de que poderia reduzir os custos se unisse a compra.

“Com essa compra m conjunto, conseguimos de 30% a 40% de descontos em cada item, devido à quantidade, que aumentou muito. Vamos continuar fazendo essas compras junto. Deu em torno de R$ 92 mil de redução na compra total”, explica Patricia Cestari, secretária geral do Sintricomb, que coordenou a compra dos materiais.

O sucesso da ação em conjunto está motivando os sindicatos a fortalecerem a medida para este ano. Itens como produtos administrativos e de odontologia estão na mira.

Além disso, os sindicatos já atuam com a formalização em conjunto de convênios na área de saúde, buscando reduz\ir preços na iniciativa privada através da grande demanda que possuem em número de associados. Ao todo, a 12 entidade que integram o Fórum Sindical possuem mais de 40 associados. O número ultrapassa 60 mil pessoas se somado os dependentes destes sócios, também atendidos pelas entidades nos serviços